85 98117.4241

ouvinte@redeshalomderadios.com

85 3261.3600 / 3264.1863

Notícias

Ônibus de Fortaleza têm 43 'arrastões' contra passageiros; roubos a coletivos diminuem

  • Publicado em 11/07/2019

De janeiro a junho deste ano, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus) contabilizou 43 arrastões em ônibus de Fortaleza. Maio foi o mês com o maior número de ocorrências, com 20 no total. O levantamento se refere a assaltos cometidos exclusivamente contra os passageiros.

Levando-se em consideração as ocorrências contra os caixas dos coletivos, no entanto, o sindicato registrou 302 casos, redução de 59% em relação ao mesmo período do ano passado, quando 720 assaltos foram cometidos. O horário mais crítico apontado pela empresa é entre 18h e 21h.

Prevenção

Como forma de prevenção a essas ocorrências, o gerente de operações do Sindiônibus, João Luís Maciel, orienta os passageiros que evitem expor objetos de valor dentro dos veículos, assim como optem pelo uso do cartão eletrônico no pagamento das passagens, diminuindo, assim, a quantidade de dinheiro dentro do coletivo.

O uso de veículos com autoatendimento é uma das apostas da empresa para reduzir o número de assaltos. Hoje, 30% da frota de Fortaleza circula exclusivamente com pagamento de tarifas por meio de cartões eletrônicos, sejam eles Vale Transporte, Bilhete Único ou a carteira estudantil.

"Com essa frota, a tendência é que o número de assaltos diminua, já que não possui dinheiro certo no carro. Das 43 ocorrências contra passageiros, somente em dois casos os veículos eram de autoatendimento", conta Maciel.

Fonte: G1 CE